quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Uma bebê chamada Luiza



Esta é a Luiza. Minha filha e irmã mais nova de 3 adultos.
Quando soube que a Claudia estava grávida, fiquei feliz e muito assustado, pois eu tinha 52 anos.
Pensava em tudo; sobre a minha idade, sobre o futuro da criança.
Mas ao longo do tempo tudo isso passa e a nova vida toma conta de tudo e de todos.
Crescemos mais, muito mais.
A satisfação de um sorriso paga por tudo e nos empenha a continuar, dia a dia.
Grata satisfação e só quem passa por isso sabe como é.
Nada é por acaso e tudo tem um significado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário